Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Dilemas do nosso tempo: globalização, multiculturalismo e conhecimento
(entrevista com Boaventura de Souza Santos)

Luís Armando Gandin e Álvaro Moreira Hypolito

Veja o Artigo

Resumo

Nesta entrevista Boaventura Santos analisa o fenômeno da globalização – entendido como um processo simultaneamente hegemônico e contra-hegemônico – e as relações entre o local e global. Apresenta a tese de que para entender a situação do Brasil, por exemplo, neste contexto global, é preciso entender a situação pós-colonial particular do país, tratando de evitar a importação de um debate baseado em outros contextos sociais. Além disso, ele apresenta o conceito de “multiculturalismo emancipatório”, que reconhece a diferença entre culturas – superando o formalismo da mera adição de elementos das culturas dominadas nas margens da cultura dominante – mas também reconhece as diferenças internas em cada cultura. Boaventura Santos também apresenta a sua posição epistemológica, aquela que ele chama de pós-modernismo de oposição (fazendo questão de diferenciar sua posição daquela que diz que não se pode mais falar dos grandes problemas da modernidade). Para ele, vivemos problemas modernos – que precisam ser enfrentados – para os quais a ciência moderna não tem solução e, portanto, é “preciso um outro tipo de produção científica mais multicultural”. Finalmente, Santos fala da educação como um campo privilegiado para a criação do que ele chama “subjetividades paradigmáticas”.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2011. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões