Navigation
Mapa
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Investigar com Jovens na Escola Pública: a estratégia WC (WaterCircle) como espaço de construção coletiva do conhecimento e ação na Educação Ambiental

Rita Ruivo Marques, Joaquim L. Faria e Isabel Menezes

Veja o Artigo

Resumo

O papel das escolas públicas na educação ambiental (EA) tem sido reforçado nas últimas décadas, reclamando uma ênfase em pedagogias da ação que propiciem o contacto direto dos alunos com a natureza e os problemas ambientais, ultrapassem uma distinção entre produtores e consumidores do conhecimento sobre o ambiente e estimulem o trabalho colaborativo feito com e pelas comunidades. A escola pública, em democracia, tem especial responsabilidade como espaço nuclear de abordagem crítica de problemas sociais e políticos contemporâneos e como espaço de participação ativa dos alunos enquanto cidadãos. No que diz respeito à EA em particular, torna-se fundamental reconhecer a sua natureza política, em especial dada a urgência e gravidade dos problemas ambientais com que hoje nos confrontamos. Neste artigo, apresenta-se uma estratégia de intervenção educativa inspirada em metodologias participatórias, a estratégia WaterCircle (WC), e os resultados dos dois primeiros anos de implementação no contexto de uma escola pública do ensino médio em Portugal. O projeto parte da discussão de problemas ambientais concretos relacionados com a água e da investigação realizada para lhes dar resposta, envolvendo os alunos num processo de pesquisa e reflexão colaborativa e coletiva de forma a fazerem um conjunto de propostas a discutir com diferentes atores da comunidade, nomeadamente líderes políticos e comunitários.

 

 

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2017. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões