vá direto ao conteúdo
 
Navigation
Currículo sem Fronteiras
 
   
 Revista para uma educação crítica e emancipatória   ISSN 1645-1384

Currículo sem Fronteiras é uma publicação quadrimestral que pretende ser um espaço para a discussão de uma educação crítica e emancipatória, reforçando o diálogo entre os países de Língua Portuguesa.

Os artigos do número 3 de 2013 estão disponíveis

O terceiro número do décimo terceiro volume da Revista Currículo sem Fronteiras está disponível. Este número tem uma seção temática intitulada Políticas e Práticas Curriculares – Diferentes Perspectivas de Análise, organizada por Rita de Cássia Prazeres Frangella (UERJ) e Janete Magalhães Carvalho (UFES), além de Outros Temas. Clique aqui para ver os artigos. Consulte também onde Currículo sem Fronteiras é indexada aqui.

Iniciando em 2012, Currículo sem Fronteiras passou a ser quadrimestral, estando um dos números sob a responsabilidade da Associação Brasileira de Currículo (ABdC).

A Revista Currículo sem Fronteiras é classificada como "A2" na avaliação QUALIS-CAPES do Brasil.

Contestação, conflito e contradição fazem parte da vida real e, por conseqüência, da educação. É muito ingênuo pensar que a vida pode ser vivida sem luta ou que a educação pode ser um espaço sem tensões ou conflitos. A Revista Currículo sem Fronteiras entende claramente este princípio epistemológico básico da pedagogia crítica e da ação social transformadora e busca, na melhor tradição freiriana, estabelecer um diálogo sério sobre política e educação como ativismo social.

Carlos Alberto Torres

A Revista Currículo sem Fronteiras é um contributo original e valioso para a tradição crítica educativa. Desafia-nos ao questionamento sobre as relações entre o capitalismo e a pedagogia e revela-se sobretudo instrutiva para todos aqueles que como nós lutam contra uma miríade de formas de exploração e opressão que resultam dessas relações. Sobretudo no momento histórico actual, necessitamos de revistas como a Currículo sem Fronteiras, cujas discussões e análises abarcam regiões, países e continentes e aproximam-nos numa visão colectiva de libertação que é ao mesmo tempo crítica e plena de esperança.

Peter McLaren

Em tempos difíceis como estes, teorias e práticas educacionais críticas são cada vez mais necessárias. Currículo sem Fronteiras chega num momento oportuno.

Michael Apple

Currículo sem Fronteiras certamente propiciará o avanço do conhecimento no campo da educação, bem como a adoção de estratégias e práticas voltadas para a construção de escolas e sociedades mais justas e mais democráticas.

Antônio Flávio Moreira

 

Conheça a linha editorial de Currículo sem Fronteiras. Leia o nosso Manifesto.

 
 
Todos os direitos reservados - Currículo sem Fronteiras 2014. Na eventualidade de enfrentar problemas no acesso a esta página, contate: webmaster@curriculosemfronteiras.org
 
 
       
English Busca Sugestões